Paranaguá

24/06/2020

IDR-Paraná viabiliza plantio de maracujá em Guaratuba

Guaratuba se destaca como o principal produtor de banana do estado do Paraná. O uso de alta tecnologia na cultura, tem resultado em lavouras com alta produtividade e frutos de qualidade. Mas nem todas as áreas do município são adequadas ao cultivo de banana. Para áreas com solo arenoso e ácido, os extensionistas do IDR-Paraná estão sugerindo aos produtores o cultivo de maracujá. Os primeiros plantios, implantados no ano passado, já estão produzindo e a primeira safra deve totalizar 70 toneladas da fruta.

O IDR-Paraná e a  Secretaria Municipal de Agricultura de Guaratuba vêm buscando alternativas de produção para melhoria da renda dos produtores das comunidades rurais no litoral. Segundo Sebastião Bellettini, do IDR Paraná, o maracujá é adequado para as propriedades do município e pode ser um importante componente na renda dessas famílias.

Para motivar os agricultores, no ano passado a Secretaria Municipal de Agricultura e o IDR-Paraná promoveram uma excussão técnica na estação experimental do IAPAR, em Morretes. Os produtores interessados também visitaram algumas propriedades rurais onde o maracujá vem sendo cultivado.

O primeiro grupo reuniu quinze agricultores que resolveram investir no maracujá. Os extensionistas do IDR-Paraná providenciaram sementes da fruta e a prefeitura produziu as mudas que foram entregues aos produtores. "Enquanto as mudas se desenvolviam os produtores foram orientados quanto à análise de solo, compra de insumos, espaçamento no plantio, adubação, correção do solo, manejo e condução da lavoura, bem como o controle de pragas e doenças", informou Bellettini.

A primeira colheita vem sendo feita. Segundo os extensionistas, é normal que a primeira safra seja modesta. Mesmo assim, espera-se um volume considerável da fruta. Os dez hectares devem render 70 toneladas da fruta que  é comercializada, in natura, em Guaratuba, Garuva e Joinville. Bellettini diz que os produtores estão motivados com esta alternativa de renda na propriedade. Segundo ele, já surgiram mais interessados em investir na cultura e o IDR-Paraná  está formando um novo grupo de produtores.

Outras ações vem sendo implementadas para melhorar a produtividade dos plantios de maracujá no litoral. Neste ano será instalada uma Unidade de Observação com a variedade IPR Luz da Manhã, desenvolvida pelo o IDR-Paraná- IAPAR- EMATER. Essa variedade é produtiva e apresenta frutos de boa qualidade. Pela primeira vez o IPR Luz da Manhã está sendo cultivado no litoral do Paraná.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.