Curitiba

19/05/2020

Agricultores de Agudos do Sul encontram novos canais de comercialização

O fechamento do comércio e de feiras de rua, em virtude da pandemia do novo coronavírus, diminuiu consideravelmente a renda de muitas famílias rurais. Em Agudos do Sul um grupo de agricultores está usando o Whatsapp e o Facebook para divulgar e comercializar seus produtos. Em abril foram entregues 80 cestas e para este mês espera-se dobrar este número. As entregas são realizadas às quintas-feiras, no município, e as sextas-feiras a clientes de Mandirituba, Fazenda Rio Grande, Santa Felicidade e Curitiba.

A produtora Daniele Comarelle já conseguiu adquirir novos clientes e acredita que a tendência do da entregados produtos  em domicílio tende a crescer. "Esse tipo de comercialização é uma ótima ferramenta para garantir uma renda para a família. É possível enxergar nesse tipo de comercialização uma excelente forma de conhecer os consumidores, conquistar mercado, fidelizar clientes e, consequentemente, garantir uma renda para família, ressalta a extensionista Midiam Duarte.

As cestas vendidas pelos agricultores de Agudos do Sul têm produtos convencionais e orgânicos. O consumidor pode adquirir alimentos produzidos por  13 agroindústrias do município. São geleias, panificados, massas, mel, suco de uva, linguiças, salames, queijos, manteiga  e temperos. Há também produtos minimamente processados como saladas no pote, mandioca, abóbora e batata salsa a vácuo. Os profissionais do  IDR-Paraná mde Agudos do Sul estão orientando os produtores para que eles possam regularizar os produtos junto ao Serviço de  Vigilância Sanitária Municipal.

A extensionista Midiam Duarte observa que essa iniciativa está estimulando a melhoria dos produtos. "Os agricultores têm buscado entregar produtos de qualidade, com um preço justo, garantindo a segurança alimentar para os consumidores", ressalta. O interesse por essa forma de comercialização está despertando a atenção de outros produtores do município que pretendem colocar no mercado algumas novidades como as  Pancs (Plantas alimentícias não convencionais).

O coletivo de agricultores de Agudos do Sul conta com a participação de 23 produtores. Atualmente eles oferecem cerca de 130 produtos. Todo o trabalho conta com a parceria da Copasol Sul (Cooperativa de Processamento Alimentar e Agricultura Familiar Solidária de Agudos do Sul), Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Prefeitura de Agudos do Sul e IDR-PR.  Informações no telefone (41) 99125-7736 ou cd.cooltivando.com.br
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.