Cornélio Procópio

14/01/2020

Políticas públicas mudam a vida de famílias rurais

O Instituto Emater desenvolve importantes ações de inclusão social e produtiva de famílias rurais na região de Cornélio Procópio. A ação dos extensionistas tem como alvo a população que vive em situação de fragilidade social e econômica. No ano passado 191 famílias foram beneficiadas pelo programa Família Paranaense. Além disso, a Extensão Rural incluiu 98 famílias no programa Fomento a Atividades Rurais e o Fomento Mulher, do INCRA, levou recursos para outras 46 famílias assentadas.

A mudança da situação dessas famílias depende, além dos recursos oficiais, da parceria entre diversas instituições que viabilizam a implementação de políticas públicas no meio rural.  Adão Prozarowski de Camargo é morador do bairro São Roque, em Sapopema. Com o trabalho da Extensão Rural ele conseguiu construir uma nova casa, sendo beneficiado pelo Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR). Além disso, ele também fez benfeitorias em sua propriedade, como uma estufa para a plantio de tomates. A produção é entregue a escolas municipais, por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

No assentamento Rosa Luxemburgo, em Congonhinhas, dona Maria de Lourdes Silva adquiriu cinco matrizes bovinas para a produção de bezerros. Os animais foram adquiridos com recursos do programa Fomento Mulher, do INCRA. Com a renda obtida pela produção, a produtora já adquiriu um carro para a família. Em Santa Amélia, Nilcéia de Fátima Alves, moradora da aldeia indígena Laranjinha conseguiu melhorar sua confecção de artesanato graças aos programas oficiais. Ela foi beneficiada pelo Família Paranaense que possibilitou a aquisição de equipamentos para facilitar o seu trabalho.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.