Londrina

30/07/2019

Instituto Emater e Embrapa Soja promovem Encontro Estadual do Projeto Grãos.

Instituto Emater e Embrapa Soja estão promovendo hoje e amanhã ( 30 e 31 ), em Londrina, o Encontro Estadual do Projeto Grãos.

O evento tem como objetivo principal divulgar os resultados do trabalho realizado em 249 unidades de referências do projeto grãos na cultura da soja, referente à safra 2018/2019, e também atualizar a equipe técnica sobre boas práticas agrícolas e planejar as ações prioritárias para a próxima safra.

Com seis anos de trabalho da parceria entre Embrapa Soja e Instituto Emater, o trabalho demonstra que é possível reduzir pela metade o uso de inseticidas quando adotado o manejo integrado de pragas (MIP) e para um terço o uso de fungicidas quando adotado o manejo integrado de doenças (MID), sem perder produtividade. Sendo assim, este trabalho gera maior rentabilidade econômica ao produtor e menor impacto ambiental.

Na oportunidade serão lançadas três publicações dos resultados do projeto na safra 2018/2019: sobre o Manejo Integrado de Pragas (MIP); sobre o Manejo Integrado de Doenças (MID), com foco na Ferrugem Asiática da soja; e sobre o uso da coinoculação da soja.

Participam do evento no auditório da Embrapa Soja o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Paraná, Norberto Ortigara, o presidente do Instituto Emater e Iapar Natalino Avance de Souza, o supervisor regional do Senar Paraná,  Umberto Valentini Neto, o diretor geral da Secretaria da  Agricultura e Abastecimento do Paraná, Rubens Ernesto Niederheitmann e o chefe-geral da Embrapa Soja, José Renato Bouças Farias.

Na safra 2018/2019 o projeto inovou com a divulgação dos dados de monitoramento da Ferrugem Asiática da soja através da página do Instituto Emater, permitindo aos técnicos e agricultores acompanharem o desenvolvimento desta doença.

Para a próxima safra, que está iniciando, o projeto quer inovar com o uso de aplicativos de coleta e análise dos dados do MIP. A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) tem sido parceira neste trabalho, na informatização do projeto grãos. No encontro será assinado um protocolo de intenções entre as várias instituições que possuem interesse nesta inovação dentro do projeto: Instituto Emater, Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento, Embrapa Soja, UTFPR de Cornélio Procópio, UTFPR de Dois Vizinhos e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Outra estratégia adotada pelo projeto é a parceria com o Senar-PR, na realização de cursos “Inspetor de Campo em MIP Soja” para formar inspetores de campo capazes de tomar decisões no MIP da soja, aprimorando o manejo e racionalizando o uso de insumos, e na divulgação dos resultados do projeto através de seminários regionais com produtores de soja.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.