Toledo

10/06/2019

Programa recupera microbacia dos padres, em Iracema do Oeste

O agricultor Jose Urtado Quiles, 84 anos, tem propriedade na Estrada Marília, município de Iracema do Oeste. Ele sempre lidou com o cultivo de café e, atualmente, mantém lavouras de grãos. Apesar dos anos dedicados à agricultura, o produtor não fazia a conservação de solos, situação comum entre os agricultores da Microbacia Rio dos Padres. Agora, ele será um dos beneficiados pelo programa estadual de Gestão de Solo e Água em Microbacias. A meta é melhorar as condições de estradas, carreadores, e também fazer a conservação do solo, para combater a erosão que está aparecendo em diversas propriedades.

De acordo com Claudemir Todescatt, do Instituto Emater, 49 produtores familiares serão beneficiados pelo programa. Ele lembra que o principal problema da microbacia é a erosão em áreas de lavouras e de pastagens. Para enfrentar a situação, os técnicos vão orientar a construção e reforma de terraços nas propriedades. Outra ação será a adequação de carreadores e construção de 3,9 km de cercas de proteção de Áreas de Proteção Permanente (APP). O programa também prevê a distribuição de superfosfato simples e calcário dolomítico para os agricultores fazerem a correção do solo. Uma espalhadeira de esterco e calcário será adquirida com recursos do programa. Na estrada Patu será implantado um abastecedor comunitário para pulverizadores e abastecimento das famílias.

"Esse trabalho traz benefícios por não deixar a água correr na propriedade, provocando erosão e também por preservar o adubo que foi posto no solo. Acho importante que o governo contribui com o dinheiro para fazer as curvas. É melhor para o produtor, mas também para a natureza”, afirmou Jose Urtado Quiles. Os trabalhos na microbacia do Rio dos Padres deve ser concluído em dezembro deste ano. O programa estadual de Gestão de Solo e Água em Microbacias vai destinar R$159.526, 00 para custeio e R$ 32.200,00 para investimento na microbacia Rio dos Padres.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.